16 de ago. de 2019

Resenha: Coragem e Ambição - Caroline Brandão

Determinação e foco sempre foram as melhores qualidade de Paloma, uma jovem extremamente inteligente e que não mede esforços para conseguir o sonhado reconhecimento. Por outro lado, é frustrante viver com uma família resignada ao fracasso de uma loja de móveis falida. Não foi sempre assim. Há um século o negócio dominava o mercado como um império. Tudo desabou quando um pequeno ato inconsequente de sua trisavó, Anita, acabou perpetuando pelas gerações. O que aconteceu? Quem ela era? Agora que Paloma descobriu uma maneira de voltar no tempo, não pensará duas vezes em convencer a jovem rebelde a se casar, o que pode gerar acordos perigosos e consequências para várias gerações, envolvendo inocentes em uma teia difícil de desfazer... a da vida. Em Coragem e Ambição, conhecemos duas mulheres com muita personalidade, objetivos e maneiras diferentes de ver o mundo. Duas jovens, duas histórias, dois amores e o mesmo sonho, o de ser livre.

Autora: Caroline Brandão
Editora: Chiado
Classificação: 4 de 5 estrelas
Ano: 2017
Páginas: 467



Em Coragem e Ambição nós iremos ter duas personagens principais: Paloma, no século XXI e Anita, do século XX.

Vamos conhecer Paloma primeiro, uma personagem que sempre fora inteligente, cursa faculdade e tem como melhores amigos Bruno e Ritinha. Além de tudo isso, Paloma tem dois sonhos, um deles é terminar o Kepler e o outro é ingressar em uma faculdade de Massachusetts.


Seus pais são donos de uma loja de móveis que foi passada por várias gerações. O problema é que a loja vem passando por problemas financeiros há décadas, tudo isso é culpa de sua trisavó Anita, sendo assim, Paloma não pode viajar para fora e realizar seu grande sonho.


O Kepler é uma máquina que Paloma está construindo. O que ela faz? Nada mais, nada menos que viagens no tempo. Os amigos dela dizem que isso é loucura, mas ela trabalha com toda garra e determinação para tornar seu sonho uma realidade.


Após descobrir tudo sobre sua trisavó Anita, Paloma decide trabalhar com afinco no Kepler, sendo assim, ela poderá voltar 100 anos e consertar tudo aquilo que Anita não deveria ter feito.


Anita fugiu de Eugênio, seu noivo prometido, no dia de seu casamento. Eugênio além de ser rico, era extremamente apaixonado por ela, mas ela não ligava para isso, então acabou arrumando um plano de fuga com seu amado Vladimir, que a fez ficar na miséria até o dia de sua morte.


Paloma está decidida a voltar no tempo e nós embarcaremos nessa aventura juntinho com ela.


Já vou adiantando que Paloma consegue voltar no tempo sim, ela explica toda a sua história para Anita, a mesma acredita nela, mas tem uma condição para fazer tudo aquilo que ela está lhe pedindo: ela terá que ficar 10 dias aproveitando o melhor do ano de 2019.


Isso não é um problema, já que elas são idênticas, então nós teremos capítulos narrados ora em 2019, com Anita, ora em 1019, com Paloma. Eu adoro esse estilo de narrativa, pois assim podemos ter a visão dos dois lados da história.


A autora conseguiu nos deixar super a vontade no ano de 1019, já que nos trouxe os costumes e tradições da época, não deixando escapar nada, principalmente a rigidez e a forma como as mulheres eram tratadas, essa última parte me deixou com raiva, já que Leonardo, pai biológico de Anita, tratava ela de uma forma um tanto rude apenas por causa dos costumes idiotas dessa época.


Eu gostei tanto de Anita, quanto de Paloma, as duas tem personalidades super diferentes. Enquanto Paloma era mais retraída e apaixonada, Anita era curta e grossa, além de ser bem desapegada. Eu me identifiquei um pouco com a personalidade de cada uma.


Ambas acabam se envolvendo emocionalmente com pessoas fora de suas épocas, isso irá atrair vários problemas para elas, já que o trato era cada cada uma ficar dez dias vivendo a vida da outra.


Eu já imaginava que o final iria ser daquela forma, contudo, fechei o livro satisfeita com o que me foi apresentado. 


A narrativa da Caroline é leve e fluída, apesar de ser um livro com um grande número de páginas, eu pegava ele para ler e nem sentia as páginas passando, de tão absorta que eu ficava com a leitura.


Em suma, Coragem e Ambição é um livro de romance clichê, com uma pitada de aventura e ficção que nos faz viajar por suas páginas.




21 comentários:

  1. Gostei da resenha. Adoro romances de época, que tenham personagem fortes e que lutam por seus objetivos.

    ResponderExcluir
  2. Uma das primeiras coisas que observo é a quantidade de páginas, saber que você pegava a leitura do livro para fazer sem nem ao menos se preocupar, isso realmente quer dizer que a leitura é muito Fluída. Outro ponto que me chamou muito atenção é a volta no tempo, esse tipo de situação pode deixar a leitura muito gostosa, em alguns momentos divertidos e outros reflexivos. Essa foi a primeira vez que vi a indicação desse livro e gostei bastante do que li.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também sempre vejo a quantidade de páginas antes, mas com Coragem e Ambição isso não aconteceu. Realmente é uma leitura gostosa!

      Excluir
  3. Gostei muito da proposta do livro, esse contraste entre as duas épocas deve ser muito interessante, pois apresenta duas mulheres fortes, cada uma à seu tempo. Adorei a sugestão de leitura!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, duas mulheres fortes e ambiciosas em épocas diferentes!

      Excluir
  4. Deu para perceber na resenha que gostou da obra e isso me fez desejar ler também, pois mesmo não lendo muito esse estilo literário, esse título me despertou curiosidade. Anotada a dica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adorei o livro, uma pena você não gostar desse estilo de livro, mas vai que esse acaba lhe surpreendendo? 😊

      Excluir
  5. Gente, que resenha maravilhosa desse livro! Gostei muito de conhecer esse enredo delicioso e que promete horas de ótima leitura! Adorei que esse seja uma livro leve e com uma leitura fluída. Aprecio muito um livro de romance clichê. Ainda mais, com uma certa pitada de aventura. E também, de ficção. Fiquei bem curiosa para saber mais do que essa trama irá nos apresentar sobre essas duas personagens principais. Muito bom conhecer um pouco mais das personalidades de ambas também.

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem? Que proposta mais interessante. Gosto muito de enredos que tenham viagem no tempo, que tragam reflexões, e mostre as consequências de nossos atos. As vezes não sabemos mas uma pequena decisão pode mudar não apenas nossas vidas mas de todos aqueles que nos cercam. Pela edição e suas palavras é possível perceber que a leitura é leve e fluida. Não conhecia a autora mas fiquei bem curiosa para saber mais sobre o livro. Sua resenha ficou incrível! Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  7. Menina, essa mescla do tempo nos remete a uma história, conforme pude compreender pela sua bela resenha, ser muito interativa! A-do-rei a proposta literária! Uma leitura que nos remete ser fluida e rápida. Gosto bastante disso e nunca havia ouvido nada sobre ela! Te agradeço pela dica incrível! Grata pela linda resenha! Bjs

    ResponderExcluir
  8. Que incrível essa sinopse. Fiquei até arrepiado. A premissa do livro parece incrível e é interessante como as duas personagens podem ser tão diferentes, mas, em essência, parecidas.

    Já vou adicionar a minha lista de desejos!

    🌗 Relatos de um Garoto de Outro Planeta

    ResponderExcluir
  9. Acho interessante estes enredos que utilizam o tempo como base, fiquei pensando se houve consequências na troca, tipo o filme de volta para o futuro.
    uma dúvida: o ano não é 1919?

    ResponderExcluir
  10. Gostei bastante da indicação. Me parece ser uma leitura super agradável. Achei bem interessante essa questão do tempo, me fez lembrar de um filme. Bjusss e uma boa semana.

    ResponderExcluir
  11. Adorei o post, e amo romances de época
    ♡♡♡♡

    ResponderExcluir
  12. Muito interessante essa ideia de mesclar o tempo entre séculos. Já fiquei curiosa e interessada!

    Beijos,
    Carol

    ResponderExcluir
  13. Gente, que gracinha de sci-fi. Mesmo não sendo adepta de romances românticos, às vezes, uns livros desse tipinho assim ganham um lugar na TBR da minha vida. Achei super doce a ideia. E embora possa ter sua dose de clichê, é daquele tipo de história que deixa os dias mais leve. Adorei sua resenha. Um beijo.

    Carol, do Coisas de Mineira

    ResponderExcluir
  14. Amo obras que voltam no tempo e de época, ou seja essa tem os dois hahaha
    Adoro personagens interessantes que nos fazem pensar e nos inspiram!
    Amei a resenha!!

    ResponderExcluir
  15. Olá Ana, tudo bem?

    Não conhecia a obra, mas já fiquei aqui me roendo de vontade de lê-la. Eu sou apaixonada por obras que mesclam diferentes épocas e nas quais os personagens vivem nesses outros períodos. Fiquei curiosa para saber qual foi o desfecho dado a essas personagens. Quero muito ler, com certeza vai para a minha listinha!

    Beijos!

    ResponderExcluir