16 de ago de 2017

Resenha: A Dor Inspira - Marcela Carvalho

Alícia eventualmente é uma boa garota, 18 anos, carioca, cheia de planos, sonhos, tem uma personalidade única, acredita ser várias em uma só. Desde nova enfrentou diversos obstáculos na vida, começando pela separação de seus pais que mudou sua vida drasticamente. Convive e enfrenta o bullying no colégio onde estuda por longos anos, no entanto, conhece pessoas incríveis que fazem com que ela se sinta viva e feliz. Aos 15 anos, recebe uma oportunidade de emprego fora do Brasil, começa então uma viagem inesquecível, onde conhece Troy seu novo “amor”, a situação ideal para o início de uma ilusão. Embora esteja entusiasmada, seja determinada, encontra-se preocupada com os dias vindouros. Ela relata suas aventuras com amigos e grandes perdas inesperadas. Além do mais, um mar de reflexão irá se abrir em sua mente, após se aprofundar nas aventuras amorosas e de uma amizade que trouxeram decepções dolorosas que significavam muito para ela, mas também que traz uma experiência de tirar o fôlego e de inspirar quem já sofreu por um "amor". Sofreu bastante para tornar quem se tornou, acreditar ou não na possibilidade de tornar sonhos em realidade mediante tantos momentos de perdas e dor ? Mas ela acredita que toda a dor foi especial, pois a dor era uma contribuição para o seu amadurecimento pessoal e que ela não é ruim, mas que nos torna melhores do que possamos ser e nos fazer enxergar a vida de uma maneira extraordinária, pois a dor é a inspiração para amar os bons momentos e ultrapassar os momentos ruins de cabeça erguida acreditando em dias melhores, sempre.

Autora: Marcela Carvalho
Editora: Coerência
Classificação: 2.5 de 5 estrelas
Ano: 2017
Páginas: 163
 

2 de ago de 2017

Resenha: F*ck Love - Tarryn Fisher

Helena Conway se apaixonou. Contra sua vontade. Perdidamente. Mas não sem motivo.Kit Isley é o oposto dela desencanado, espontâneo, alguém diferente de todos os homens que conheceu. Ele parece o seu complemento. Poderia ser tão perfeito... se Kit não fosse o namorado da sua melhor amiga. Helena deve desafiar seu coração, fazer a coisa certa e pensar nos outros. Mas ela não o faz... Tentar se afastar da pessoa amada é como tentar se afogar. Você decide fugir da vida, pulando na água, mas vai contra a natureza não buscar o ar. Seu corpo clama por oxigênio sua mente insiste que você precisa de ar. Então você acaba subindo à superfície, arfando, incapaz de negar a si mesma essa necessidade básica de ar. De amor. De desejo ardente. Você pode pensar que já viu histórias parecidas, mas nunca tão genuínas como essa. Tarryn, a escritora apaixonada por personagens reais, heroínas imperfeitas, mais uma vez entrega algo forte, pulsante, que nos faz sofrer mas também nos vicia. Depois dela, todas as outras histórias começam a parecer como contos de fadas. Se você não quer se viciar, não leia a primeira página.

Autora: Tarryn Fisher
Editora: Faro Editorial
Classificação: 5 de 5 estrelas
Ano: 2017 
Páginas: 283