13 de abr de 2017

Resenha: Laura Sophia Heyes - Thais Caldeira

Laura era uma modelo famosa em seu país. O lugar era governado por uma monarquia, a história se passa no período pós guerra e a população estava se revelando contra o governo por não ter condições de sobrevivência. Os pais de Laura decidem se aliar ao governo e, com a ajuda da filha, veiculam notícias em favor do rei pelas mídias, neste momento a vida de Laura muda completamente, ela sofre ameaças e ataques direcionados até que precisa decidir de que lado vai lutar.

Autora: Thais Caldeira
Editora: Autografia
Classificação: 4 de 5 estrelas
 Ano: 2016
Páginas: 200



Laura Sophia Heyes mora no Reino das Sete Ilhas juntamente com seu pai e sua mãe. Seu país é governado por uma monarquia, onde Robert Barak é o rei ao lado de Lisandra, a rainha e Derek, o príncipe. 

Algumas pessoas intituladas de "Rebeldes" não estão muito satisfeitos com a atual forma que o rei está governando, após uma guerra que deixou o país muito fraco, algumas pessoas ficaram muito desfavorecidas em questão de comida, saúde, etc, então se rebelaram contra o rei e agora querem o matar e matar que o apoia.

Laura é uma figura pública, já que é uma modelo super conhecida, vive com sua agenda cheia e ama a vida que leva. Após sair para uma sessão de fotos e entrevistas, Laura acaba sendo sequestrada por um grupo de rebeldes.

Quanto acorda sendo salva por alguns aliados do rei, Laura descobre que sua mãe morreu e logo após, em um túnel, na frente da própria filha, seu pai é explodido por dinamites plantadas pelos rebeldes.

Laura não tem mais ninguém, está sozinha. Ela passa um bom tempo no palácio do rei, então acaba por criar algumas amizades, entre elas está o filho do rei, Derek, ambos se tornam grandes amigos. Antes solitários, agora tem um ao outro.

Porém, grandes revelações irão ocorrer na vida de Laura, grandes acontecimentos a fará mudar totalmente sua vida.

Eu estava muito ansiosa para realizar a leitura desse livro, em nenhum momento me decepcionei. A narrativa da Thais é leve e fluída, faz cada vez mais o leitor querer virar as páginas e se aprofundar em suas palavras.

Laura é uma personagem super forte, apesar de no começo parecer ser uma menina fútil, ao decorrer das páginas descobrimos uma garota mulher super batalhadora e que corre atrás daquilo que quer. Admirei isso o tempo todo na personagem, já que ter uma vida de luxo e uma família que drasticamente é retirada de você, é motivo para muitos cair, mas para Laura foi em alguns momentos o alicerce para ela batalhar por justiça.

Derek, ai meu Deus, que personagem maravilhoso, suspirei por ele e fiquei desejando ele na minha vida durante todo o livro. Ele me lembrou bastante o Maxon de A Seleção, na verdade, estava ansiosa para ler esse livro pela história ser bastante similar da série da Kiera Cass, e tirei sorte grande!

O livro é curto, mas cheio de reviravoltas, personagens e ação, porém em nenhum momento achei o livro corrido ou fiquei perdida durante a leitura, a narrativa explicativa da Thais ajudou bastante nesse quesito.

Eu adorei essa capa, super combina com toda a história. As páginas são brancas e a diagramação é simples, mas não influencia em nada, porém se fosse mais detalhado o livro ficaria uma edição perfeita.

Parabéns Thais, por essa escrita maravilhosa, espero poder ler seus próximos livros. Fãs de romance, distopia e A Seleção, leiam esse livro, é uma leitura super agradável e gostosa!




12 comentários:

  1. Amo demais personagens emeninas fortes e decididas. Esse livro me fez lembrar muitos outros de distopia, como o "A rainha vermelha", "A seleção", etc, mas esse é um gênero que não me canso de ler. O livro parece oferecer uma leitura interessante e cheia de aventuras. Mais um que vai pra minha lista. <3
    Beijos.
    Eu Sou Um Pouco De Cada Livro Que Li

    ResponderExcluir
  2. Oie, tudo bem?
    Não conhecia o livro nem a autora, mas achei bem interessante o enredo do livro, e meus parabéns a você pela resenha. Gosto bastante de aventuras e reviravoltas, então com certeza leria <3

    ResponderExcluir
  3. Oi Ana. Acho super corajoso batizar o livro com a nome da personagem. Dá aquela impressão que será a personagem mais fantástica já criada. Amo distopias, assim, quem sabe não darei uma chance a Laura Sophie?!
    bjss

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia nem a autora nem o livro e o que você disse sobre me atraiu positivamente. Espero dar uma chance a essa leitura.

    ResponderExcluir
  5. Ana, gostei demais da sua resenha e mais ainda do livro.
    Pelo jeito é repleta de reviravoltas, do jeito que eu gosto.
    Fiquei bem curiosa por conta desse sequestro e o que a personagem vai descobrir.
    Já quero!

    ResponderExcluir
  6. Nossa! Precisa mesmo ser forte pra enfrentar tudo isso! Que história!!

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Ana.

    Não conhecia o livro que você resenhou e gostei bastante, principalmente por causa do livro ser cheio de reviravoltas com os personagens. Outro detalhe que chamou atenção foi você comentar sobre a narrativa explicativa que a autora tem, realmente esse tipo de escrita ajuda bastante compreender a história. Dica anotada.

    Bjos

    ResponderExcluir
  8. Gosto bastante do tipo de leitura, com certeza daria uma chance para a obra! Dica super anotada!

    ResponderExcluir
  9. Oiee Ana ^^
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas confesso que não fiquei tão curiosa para lê-lo, apesar de parecer interessante por conta das revoltas e de a personagem ter que decidir de qual lado está. Fico feliz em saber que você gostou do livro, mas acho que eu não o leria agora. Um dia, quem sabe :)
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  10. Olá tudo bem?
    Achei a premissa da história bem diferente e interessante. Gosto muito de distopias e acho que esse livro seria uma boa pedida.
    Vou deixar ele anotado aqui para caso surja a oportunidade de lê-lo.

    beijinhos!

    http://leiturize-se.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ei Ana. Suas resenhas sempre são ótimas, não é? Eu amei tudo oque você contou (e me interessei só de ver o meu nome ser omesmo da personagem kkkk). Parece ser uma história muito interessante e quero ler. Vocês estão fazendo minha lista de livros que quero ficar enorme, assim não dá kkkk. Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Oi
    Td bem
    Eu achei muito legal o título ser o mesmo nome da personagem,isso mostra que ela vai ser um mulher bem forte.
    Eu não sou muito de ler gênero Distopia mais eu acho que vou dar uma chance para este livro pois gostei da sua resenha .

    ResponderExcluir