27 de jan de 2015

Resenha: Vidas Paralelas - Patty Freitas

A vida dupla de Sophie a faz correr muitos riscos, mas nada disso importa, se esse é o preço para conseguir atingir seus objetivos. Ela está mais que disposta a pagar. Será? E quando isto implica pôr em risco um grande amor?
Jonathan é o CEO de sua própria empresa. Um bilionário acostumado a ter a mulher que deseJa, até que se envolve com Sophie, ela vai desestruturar sua vida, principalmente sua obsessão por controle e segurança. Mas o que é tudo isso diante de uma paixão arrebatadora e de um amor que vale a pena todos os riscos? 
Autor: Patty Freitas.
Editora: Novo Romance.
Classificação: 3 de 5 estrelas




Vidas Paralelas conta a história de Sophie. Uma mulher que trabalha em uma boate chamada Beautiful  Night como dançarina. Agora ela começará a trabalhar como secretária na JC Enterprises Company. 

Sophie vive para se vingar de uma coisa que aconteceu no passado, por isso que ela trabalha na Beautiful Night. Perto desta boate, tem a boate Black, a rival da Beautiful Night e lá é o alvo de Sophie, então ela faz de tudo para conseguir se aproximar do pessoal de lá, principalmente do chefão.

Mas aí ela conhece Jonathan, que é um magnata que tem tudo o que quer, principalmente as mulheres que ele quer em sua mãos. Mas nada para ele passa de apenas uma noite, nunca teve aquela mulher que ele quis ficar e criar uma família. Até ele conhecer  Sophie. Ele é o CEO da empresa onde Sophie começou trabalhar e logo no primeiro dia de trabalho dela, esbarra com ela no elevador. 

A partir disto não tem outra coisa, um gosta do outro, e aí já dá pra ter uma noção do que acontece, certo?

Li várias resenhas falando que o livro é corrido. Realmente, ele é corrido, mas vamos ver por outro lado, se ele fosse muito lento, ninguém iria gostar, certo? Iria se tornar uma leitura cansativa e a maioria das pessoas iriam abandonar o livro. Com certeza, a autora poderia ter explorado um pouco mais da história e nada mais que isso.

Uma crítica negativa que eu tenho que fazer para a autora é a escrita dela, não é ruim, mas algumas partes não se encaixou, no começo, me pareceu uma web novela hot, mas depois foi melhorando. Creio que isso possa ser por causa que é o livro de estreia da autora, e com certeza ela está perdoada por isso, mas é um ponto para ela não deixar passar em seu próximo livro.

Sobre os personagens, Jonathan é um personagem maravilhoso, porém, muito obsessivo, logo assim que conheceu Sophie, não quis que nenhum homem chegasse perto dela e podemos ver seu momento de raiva quando alguém o faz. Já Sophie é uma personagem super forte, vive para vingar o que aconteceu no passado, consegue suportar tudo sozinha e faz isso muito bem. Foi uma personagem que gostei desde o início da história.

Gostei bastante do livro, a autora tem tudo para fazer sucesso, mas tem que melhorar bastante em alguns aspectos. Espero gostar de seu próximo livro e já o quero ler. O livro é fininho, tem apenas 160 páginas e dá para ler em horas, que foi o meu caso. Recomendo o livro para uma leitura despretensiosa. É isso amores, espero que gostem da resenha. Super beijão!

15 comentários:

  1. Parece ser um livro muito bom, no começo achei que seria aquelas coisas de sexo, sei lá o que mais, igual em filmes...
    Parece ser muito bom, tirando esse fato. c:
    Adoraria ler para poder avaliar também o trabalho da autora, mas estou em uma fase de animes e desenhos.(me julgue *w*)
    Gostei da resenha.Beijos!

    Com carinho||Crazy Cake||

    ResponderExcluir
  2. ótima resenha, esse livro parece ser mto bom mas a história não me cativou muito, mas só lendo pra saber..
    Beijos, Tabatha
    http://aproveiteolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Na verdade tenho sido um pouco preconceituosa com esse tipo de livro, porque parece que tudo é uma cópia de 50 Tons de Cinza (que ainda não li)... Gostei muito da resenha, mas não sei se leria. :(

    Tem sorteio rolando no blog!
    Beijão, www.opinada.com

    ResponderExcluir
  4. Olá Ana!

    Sim, o livro é mais do mesmo quando se trata dos hot's hoje em dia, né?! A diferença nos pontos que destacou foi a Sophie... uma personagem forte, que sabe o que quer, vive uma vida dupla.. isso é um diferencial, com certeza!
    No geral eu gosto de livros assim, gosto mesmo, mas estou dando um tempo no estilo.. rsrs O livro deve ser bem rapidinho mesmo, poucas páginas, assim é bom! rs

    Beijos,

    Marcelle
    www.bestherapy.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Adorei a resenha,mas não me interessou muito o livro!
    Não é uma leitura para mim hoje.

    Beeeijos
    http://cupcakedeletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Esse é um livro que está um pouco distante do meu estilo de leitura. Mas como gostei da sua resenha, acho que leria a obra.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de janeiro. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  7. Oi Ana, tudo certo?
    Olha, a princípio a capa e o nome tinham me chamado a atenção, mas ao ler a sinopse e a sua resenha, já não estou muito afim de comprar não, haha.
    Abraços e que a força esteja com você!
    http://www.paradageek.com/

    ResponderExcluir
  8. Achei legal só pela cara e nome. Gostei da sua resenha, bem detalhada. Apesar de não ter interesse pelo livro, parece ser beem legal.
    Beijoos ♥

    eieusouamah.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Se fosse somente pela capa já teria comprado..haha
    ótima resenha, bem explicadinho, me deu vontade de lê-lo
    Beijo^^
    http://studiodebelezamr.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Grata pela leitura e resenha.
    Estou à disposição para qualquer dúvida. Lembrando que tem 10caps de degustação no Widbook pra quem quiser se inteirar mais.
    Bjs
    Patty Freitas

    ResponderExcluir
  11. Grata pela parceria Ana.
    Lembrando que tem 10 caps no Wudbolk para degustação para quem tiver interesse.
    Estou sempre à disposição
    Beijos
    Patty Freitad

    ResponderExcluir
  12. oioi, então me lembrou 50 tons, mas não sei exatamente porque, mas por gostar de livros assim, quem sabe eu leia. Beijos, e parabéns pela resenha, ficou ótima.
    Lost Words

    ResponderExcluir
  13. Oi, Ana!!
    Esse tipo de leitura não faz o meu forte, hehe, mas eu gostei bastante do título e do tema, então acho que daria uma chance mais para frente. Vai que eu goste, né? Não sei do que esperar!
    Beijos,

    http://our-constellations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Só consegui imaginar um 50 Tons de Cinza sem o sexo, aliás, não entendi, o livro é hot ou não? Não curti muito a premissa, não curti muito a capa, não sei se leria, talvez daria uma chance em um dia sem nada pra fazer, quem sabe.

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  15. Oi Ana!
    Gostei da história, apesar de não ter curtido muito essa capa.. haha Como a escritora ainda é principiante, acredito também que dá para perdoá-la! Espero que ela melhore nesse quesito em seu próximo livro :)
    Achei o livro tão fininho, faz tempo que não leio um livro com poucas páginas!

    Beijos,
    http://leitoraonline.blogspot.com.br

    ResponderExcluir