11 de jul de 2016

Resenha: Caim - O Primeiro Vampiro - Georgina Cavendish

Caim vivia dos frutos de seu trabalho. Seus dias eram praticamente os mesmos até um sonho chamar sua atenção: uma oferenda era tudo o que Deus pedia. Mas, ao contrário do que imaginava, não seria a sua a ser aceita por Ele, e sim a de seu irmão, Abel. Um momento de loucura. Morte. Caim é marcado para sempre. Agora, não somente o céu o rejeita, como a própria terra e o que ela tem a oferecer. Caim então é obrigado a vagar por ela com apenas uma coisa capaz de saciá-lo: sangue. 

Autora: Georgina Cavendish
Editora: Novos Talentos
Classificação: 4 de 5 estrelas
 Ano: 2015
Páginas: 112
 




Caim e Abel são irmãos. Caim trabalha cultivando o alimento para ele e sua família comerem, já Abel trabalha pastorando as ovelhas. Caim se mata debaixo do sol cavando e plantando, enquanto seu irmão apenas faz olhar as ovelhas.

Caim quer mudar de vida, quer que a vida dele tenha sentido. Então, após um sonho em que Deus pede uma oferenda. Ele acaba por matar seu irmão. Pensando que sua vida iria mudar para melhor, ele acaba se enganando.

"Sede. Minha garganta queima como nunca antes. Ando pela terra, até a tempestade dar lugar a um sol escaldante, como nunca havia sentido antes, e o solo se torna árido. Meus olhos latejam, marejados pela primeira vez. A dor me consome. Sinto o peso de tudo que havia feito: matei meu irmão."

Ele é condenado a vagar pela terra. Ele não envelhece, ele não sente fome. Ele agora sente sede, sede de sangue. Deus condenou Caim a virar um vampiro por matar seu irmão.

Apesar de tudo, ele conhece Annabel, uma pessoa que o resgata e coloca dentro de sua casa. A partir dai Caim tenta criar uma família e viver uma vida normal, apesar de matar animais para saciar os seus desejos.

Acho que todos conhecem a história de Abel e Caim na bíblia. E é muito parecida com a história que Georgina narra em "Caim - O Primeiro Vampiro", a não ser pela parte que (óbvio) na bíblia não fala da parte de vampiro. Pegando o enredo dessa história bíblica, Georgina teve a incrível ideia de colocar Caim como o primeiro vampiro que surgiu no mundo, já que ele é condenado a vagar pela terra e não pode morrer.

Apesar de ser um livro fino, é bem interessante e divertido de ler. A narrativa da autora nos deixa cada vez mais interessados em saber o que acontecerá no final com Caim. 

Fiquei impressionada que em apenas 111 páginas a autora conseguiu desenvolver uma ótima história, não deixando nenhuma ponta solta e nem com uma narrativa apressada. 

A capa do livro é linda, com as letras em alto-relevo, a diagramação, como sempre, a editora não deixou a desejar e a letra está em um ótimo tamanho para uma leitura bem rápida. Li o livro em menos de um dia.

Pelo visto em breve virá um novo romance da autora, com o tema vampiresco também. Estou bem ansiosa para saber como será. Enquanto isso, vou recomendando "Caim - O Primeiro Vampiro".


7 comentários:

  1. Epa, livro de Vampiros são meus favoritos e fiquei curiosa com essa mistura da versão bíblica. Gostei da resenha e anotarei a dica <3

    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana! Pela sinopse jamais iria imaginar que o livro é divertido! Adorei sua resenha, mas livros de vampiros não são muito gênero... já li muito, há algum tempo, mas hj estou em um outro momento literário! Bjk
    http://estantemineira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Que inovação diferente, é interessante a autora pegar tema biblico, conheço por cima a história dos irmãos e usar isso no meio sobrenatural é bem complexo e fácil ao mesmo tempo, afinal mescla coisas que de certa forma batem com o que Deus fez.
    Xoxo

    ResponderExcluir
  4. Nossa, que livro curtinho! Como não curto o tema de vampiros, não me interessei, e nem me lembrava de que acontecia isso com Caim de ser condenado a vagar pela Terra sem poder morrer. Mas foi uma ótima sacada da autora usar isso para transformá-lo em vampiro!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  5. Oie!
    Interessante uma versão vampira de Caim e Abel. E ainda mais surpreendente que a história não ficou apressada mesmo só com 111 páginas. Parabéns a autora!
    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Oi Ana, eu já tinha lido algo sobre esse livro e confesso que essa "adaptação" DA HISTÓRIA DE cAIM ME CHAMOU ATENÇÃO, mas o que me deixou mais interessada na leitura foi o fato de vc ter gostado da trama, parece ser interessante

    ResponderExcluir

  7. Olá boa noite, tenho 27 anos um corpo sarado, tenho um sonho de virar vampiro dês dos 11 anos e a cada dia só acresce,se tiver algum vampiro, meu numero do whatsapp é 081 984610508

    ResponderExcluir